A notícia de que Husam, um bebê de 4 meses, precisava urgentemente de um transplante de medula para salvar sua vida, trouxe dezenas de milhares de membros da comunidade druza de Issifiya e áreas vizinhas para verificar se suas medulas poderiam ser compatíveis.

Esta campanha de medula óssea sem precedentes em larga escala foi conduzida nas vilas druzas da Galiléia e das Colinas do Golan, estabelecendo, pela primeira vez, uma base de dados druza dentro do Registro de Medula Óssea da Hadassah Medical Organization. A campanha, liderada por Ofra Elkouby, diretora da Registro de Medula Óssea do Hadassah, foi realizada com a completa colaboração de Mufid Mar’i, presidente do fórum que reúne os líderes dos conselhos locais druzos.

“Esta operação,” comentou a Sra. Elkouby, “foi uma demonstração de união e apoio ao povo druzo e não somente no setor druzo.”

O avô do bebê Husam foi o primeiro oficial druzo das Forças de Defesa Nacional de Israel.

O Registro de Medula Óssea no Hadassah é o segundo maior de Israel. As amostras desta base de dados vêm do público em geral e são utilizadas para localizar doadores para pacientes em Israel e no exterior que necessitem de transplante de medula.

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone