Quando a criança de 4 anos, cianótica e em estado crítico deu entrada na emergência pediátrica do Hadassah Hospital Mount Scopus, O Dr. David Rekhtman, chefe do PS, e sua equipe entenderam que a criança tinha de algum modo ingerido metadona.

Em tempo mínimo, eles ministraram o antídoto. “Ele teria morrido em minutos se não tívéssemos identificado rapidamente, “observou o Dr. Rekhtman.

Estranhamente, enquanto atendiam o menino de 4 anos, um bebê de 11 meses que havia consumido marijuana foi trazido ao PS. Ele também foi salvo pelo Dr. Rekhtman e sua equipe, que tem a reputação de solucionar problemas incomuns.

Mais que 30.000 crianças são tratadas a cada ano nas salas de emergência pediátricas do Hadassah, em Mount Scopus e Ein Kerem.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone